quinta-feira, 29 de maio de 2014

29 anos de um dia para não esquecer

(foto: Tuttosport.com)
Há 29 anos, a Juventus foi a campo depois de um evento trágico na história do futebol, onde 39 torcedores vestidos de bianconero perderam a vida na Final da antiga Copa dos Campeões em Bruxelas, na Bélgica, onde no campo de Heysel um setor destinado a torcida italiana foi invadido por torcedores do Liverpool (adversária da decisão) ocasionando superlotação e esmagamento de adultos e crianças... Os anjos de Heysel, como são chamados tem aqui também, seu nome lembrado em dia de pouquíssimas palavras na Juventus. Seus nomes e suas vidas ceifadas são lembradas para que tal brutalidade não se repita, jamais:
Rocco Acerra
Bruno Balli
Alfons Bos
Giancarlo Bruschera
Andrea Casula
Giovanni Casula
Nino Cerullo
Willy Chielens
Giuseppina Conti
Dirk Daeneckx
Dionisio Fabbro
Eugenio Gagliano
Francesco Galli
Giancarlo Gonelli
Alberto Guarini
Giovacchino Landini
Roberto Lorentini
Barbara Lusci
Franco Martelli
Loris Messore
Gianni Mastroiaco
Sergio Mazzino
Luciano Rocco Papaluca
Luigi Pidone
Benito Pistolato
Patrick Radcliffe
Domenico Ragazzi
Antonio Ragnanese
Claude Robert
Mario Ronchi
Domenico Russo
Tarcisio Salvi
Gianfranco Sarto
Amedeo Giuseppe Spolaore
Mario Spanu
Tarcisio Venturin
Jean Michel Walla
Claudio Zavaroni