quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Ronaldo marca dois e Juve perde para o Madrid na Espanha

Di Maria foi decisivo no duelo (foto: UEFA.com)



Em duelo de gigantes na capital da Espanha, o Real Madrid conseguiu bater a Juventus em domínio merengue, para manter a liderança isolada do grupo B da UEFA Champions League com gols de Cristiano Ronaldo. A Juve marcou com Llorente e reclamou muito da arbitragem polêmica em lances capitais: 2 a 1 para os blancos. No outro jogo do grupo, o Galatasaray derrotou o Copenhague com facilidade em Istambul por 3 a 1.

REAL MADRID 2 a 1 JUVENTUS

O jogo tinha tudo para ser um dos melhores da rodada e iniciou de tal forma. A Juve iniciou marcando e Marchisio exigindo boa defesa de Casillas mas foi o Madrid que festejou. Di Maria fez lindo passe infiltrado para Cristiano Ronaldo passar por Buffon e abrir o marcador na casa merengue: 1 a 0 com quatro minutos de jogo. A Juventus cresceu após o gol já que o Real recuou para manter firme a sua vantagem.

Após algumas tentativas, o empate saiu com o oportunismo de Llorente. Cruzamento de Cáceres e bola escorada de Pogba pro meio, o espanhol desfrutou rebote de Casillas pro meio para empatar para os visitantes aos 22 minutos.

O Real Madrid voltou a subir ao ataque e subitamente conseguiu a vantagem mais uma vez com Ronaldo. O português desfrutou de uma penalidade sofrida por Sergio Ramos após dividida com Chiellini. Sétimo gol dele na competição e vantagem retomada aos 29 minutos.

A segunda etapa começou com a Juve já tentando algum ataque e manter a maior posse de bola como na primeira metade da partida só que outro lance polêmico. Chiellini foi expulso depois de dividida com Ronaldo em que o cotovelo teria pegado no rosto do camisa 7 do Madrid. O árbitro alemão foi contestado demais pelos italianos e os merengues foram ainda mais para o ataque.

A equipe da casa jogava bem demais quando Di Maria participava das ações. Benzema perdeu grande chance depois de mais uma jogada iniciada pelo argentino. Conte tentou mudar na Juve que crescia pouco a pouco no campo dos espanhóis mas sem arrematar a meta de Casillas enquanto o Madrid avançava tranquilo mas deixava a defesa italiana sempre em perigo quando se aproximava. Por isto, sem sustos, o Real Madrid garantiu a vitória importante.

GALATASARAY 3 a 1 COPENHAGUE

No outro confronto do grupo, disputado no estádio Ali Sami Yen Spor em Istambul, Turquia, o Galatasaray recebeu o Copenhague e mostrou sua força contra os dinamarqueses já no minuto dez com Felipe Melo aproveitando cruzamento de Nounkeu do lado direito do ataque para cabecear e explodir os fanáticos da capital turca. O segundo gol foi sair perto do final da primeira etapa com Sneijder batendo cruzado depois de passe de Eboué. O placar ainda mudaria no minuto final após mais uma assistência de Eboué e gol de Drogba, concluindo cruzamento rasteiro e fechando o primeiro tempo em festa absoluta para o Gala.

A segunda etapa foi de relativa vida para os dinamarqueses apesar das dificuldades diante do Galatasaray que controlou o resultado administrando-o para garantir os três pontos da maneira que o fez, apesar do gol de honra de Claudemir para os campeões da Dinamarca, assumindo a segunda colocação no grupo B (placar de 3 a 1) enquanto o Copenhague segue na lanterna.
 


Tabela:

Real Madrid: Casillas; Arbeloa, Ramos, Pepe, Marcelo; Khedira, Modric, Di Maria (Morata, min. 79), Illaramendi (Isco, min. 72), Ronaldo; Benzema (Bale, min. 66).
 
Juventus: Buffon; Cáceres, Barzagli, Chiellini, Ogbonna (Giovinco, min. 69); Vidal, Pirlo (Asamoah, min. 59), Pogba; Marchisio; Tévez, Llorente (Bonucci, min. 50).
 
Placar: 1-0, min. 4, Ronaldo; 1-1, min. 19, Llorente; 2-1, min. 29, Ronaldo;
ÁRBITRO: Manuel Gräfe (ALE). Cartões amarelos: Illaramendi (min. 19), Vidal (min. 28), Cáceres (min. 78), Modric (min. 78), Ramos (min. 88) Cartões vermelhos: Chiellini (min. 48).
INCIDENCIAS: Duelo válido pela terceira rodada do grupo B da UEFA Champions League, disputado no estádio Santiago Bernabeu (Espanha)